Image and video hosting by TinyPic"/> Image and video hosting by TinyPic"/> Image and video hosting by TinyPic"/>
1 2 3 4

Quero trabalhar com MODA, e agora?

O campo para o profissional de moda no Brasil está crescendo cada vez mais, para quem quer atuar na área de moda é importante conhecer todas as possibilidades que esse ramo nos dá, para que assim possa ser escolhido o que mais se identifica com você. A moda é basicamente dividida em quatro áreas:



O profissional que trabalha com criação de moda é responsável por tudo relacionado ao desenvolvimento das coleções: desenha, cria, desenvolve, até que o produto esteja pronto para comercialização. Envolve design de Moda, pesquisa de tendências, modelagem, moulagem e pilotagem.

Modelagem: O modelista tem a missão de interpretar a ideia do estilista e transformar o seu desenho em moldes, para que estes sirvam como "modelo" na hora de cortar e costurar o tecido.

Moulagem: A moulagem é meio que modelagem mais avançada, porque ela não é feita numa superfície plana como a modelagem, ela é feita diretamente no manequim, criando a peça de uma forma tridimensional, minimizando a possibilidade de erros na produção.



Na comunicação de moda o profissional trabalhar com a roupa totalmente desenvolvida, encarregando-se de fazer a divulgação dos produtos, dos catálogos e dos desfiles. Dentro da comunicação, temos o jornalismo, a produção de moda, stilist, consultoria de imagem, com o personal stilist e o personal shoppers e o visual merchandising, sem esquecer dos bloguetes de moda que tão tomando uma grande proporção quando o assunto é divulgação de produto/marca. Preciso nem dizer o tamanho do meu amor por esse item, né?!

Jornalismo de moda: Abrange desde a produção de pautas até a reportagem, fazendo com que o profissional interaja com empresários, produtores e até os modelos.

Produção de Moda: Muita gente acha que produtor de moda é aquele que produz o desfile, e, não é bem por aí, o produtor é sim uma peça indispensável na produção de um desfile, mas não necessariamente "organizando" todo o evento. O stilist geralmente passa um briefing de tudo que será necessário para acontecer o evento (seja um desfile ou um editorial de moda) e cabe ao produtor ir atrás do necessário para fazer acontecer. Entrar em contato com lojas, visitar locais, escolher as roupas, devolver as roupas depois que o evento foi realizado, em fim.. Engana-se quem pensa que vida de produtor é fácil.

Stilist: Como eu falei acima, o estilist trabalha diretamente com o produtor, e é ele quem "cria a imagem" do desfile/editorial, ele combina os looks, cenários e passa tudo que vai precisar para o produtor possa ir atrás.

Personal stilist: Por favor, não vamos confundir stilist com personal stilist, que apesar do nome parecido são coisas bem diferentes. O personal desenvolve seu trabalho apenas com uma pessoa, geralmente ele é contratado para cuidar da imagem de alguém, ele busca o que esta na moda e tenta adequar aquilo ao corpo e ao estilo do seu cliente.



Cuida de toda parte administrava e da gestão das marcas, onde temos o Branding, o marketing de moda, o varejo de moda, com o papel do comprador de moda e gestor de varejo, mas isso é assunto pra passar um mês falando.

Branding: No sentido mais simples significa gestão da marca. O brainding une todas as formas de comunicação, com o objetivo de agregar valor ao produto, tornando-o diferenciado no mercado.



Essa área é ideal para quem quer trabalhar em indústrias, produzindo e confeccionando tanto tecidos e aviamentos, quanto roupas, calçados e acessórios.

Além dessas, existem muitas outras profissões relacionadas à moda, como o estilismo, Maketing, varejo, figurinista, Personal shoppers, dentre outras que eu preferir não falar, porque se não esse post ía ficar gigante (já ficou), mas eu espero ter dado uma clareada nas idéias de vocês e qualquer dúvida é só perguntas nos comentários ou pelo meu email: Ray_Cavalcanti@hotmail.com beijoos!